quinta-feira, 10 de março de 2011

Gone: O Mundo Termina Aqui

Michael Grant
Páginas: 515

Sinopse: Em um piscar de olhos, todos com mais de 14 anos desaparecem. Restam adolescentes. Pré-adolescentes. Crianças. Nenhum adulto. Nenhum professor, policial, médico ou responsável. Linhas de telefone, redes de televisão e a internet param de funcionar. Não há como pedir ajuda. A fome é intimidante e a violência começa. Os animais parecem estar se transformando, e uma criatura sinistra está à espreita. Os próprios adolescentes estão ficando diferentes, desenvolvendo novos talentos: poderes inimagináveis, perigosos e mortais, que crescem dia após dia. É um mundo novo e assustador. É preciso escolher um lado — e a guerra é inevitável.


Imagine viver em um mundo onde só restam os mais jovens: adolescentes e crianças.
Esse é o cenário de Gone. Inexplicavelmente, todos acima de 15 anos somem de repente. Os jovens ficam sem telefone, internet, nem televisão. Não há como saber o que aconteceu.
O livro conta a história de Praia Perdida, uma pequena cidade litorânea rodeada de montanhas, onde vivem os garotos do LGAR – Lugar da Galera da Área Radioativa, o nome é dado porque a cidade possui uma usina nuclear.
Antes de ler Gone, pensava que o foco principal da história seria o sumiço repentino das pessoas. Estava totalmente enganada, o desaparecimento misterioso fica em segundo plano diante da montanha russa de acontecimentos que envolvem o livro.
Para começar, se todos sumirem de repente, e a quantidade de bebês desprotegidos que restam sozinhos em suas casas? E se os pais desapareceram enquanto cozinhavam e deixaram o fogo acesso? Ou até mesmo a quantidade de carros que bateram porque repentinamente não havia mais ninguém dirigindo?
Incêndios, acidentes e mortes são um dos menores problemas dos jovens que estão em Praia Perdida.
Logo os mais velhos tentam dominar os menores, a fome começa a ser uma grave ameaça, os animais sofrem mutações e, como se isso não bastasse, os jovens percebem grandes mudanças neles próprios – desenvolvendo poderes inimagináveis e perigosos.
Sam, Astrid, Edílio e Quinn são os primeiros a notar a gravidade do problema e antes que pudessem perceber estão envolvidos em uma disputa, onde cada um terá de escolher seu lado para a batalha que se aproxima.

Ele estava ali. No fim do corredor. Parado com um rifle pendurado no ombro e uma pistola na mão.
Astrid quase desmaiou.
Drake riu, levantou a pistola e mirou.
Astrid empurrou o pequeno Pete para o quarto e entrou depois dele.
Bateu a porta e virou o trinco. Depois acrescentou a tranca de segurança.
Um barulho incrivelmente alto.
Surgiu um buraco do tamanho de uma moeda na porta, com o metal franzido para fora.
Outra explosão e a maçaneta estava pendurada pela metade.”

Gone é um livro sobrenatural, com uma generosa quantidade de ficção cientifica. Um dos pontos negativos do livro é a quantidade exorbitante de brutalidade. Lidamos com mortes, tortura, mutilação e carnificina. Tudo isso feito por jovens de apenas 14 anos.
Porém o que não se pode negar é que Gone é viciante e surpreendente. Com mistério, ação, suspense, personagens fortes, cenas eletrizantes e um enredo inovador, Michael Grant criou uma história complexa, bem escrita e cativante. Recomendo!

Nota: 8,0

9 comentários:

  1. Como sempre, uma super resenha!
    Esse livro é a continuação de Fade né?!

    Tenho que ler Wake ainda...Que vergonha a minha!

    Mas, o seu texto ficou ótimo!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oi Camila =)

    Eu simplesmente AMEI Gone!


    Ahhh, respondendo o comentário no Uma Janela Secreta: rsr

    Pode ler sem medo, pois o final não vai te decepcionar, pois "quase" tudo se resolve. Mas ele deixa um gancho para mais aventura aparentemente muito mais empolgante, e é isso que vai deixar o leitor super curioso.

    Mesmo assim, ainda dá para aguentar a espera pela próxima publicação =p

    Obrigada pela visita!

    ResponderExcluir
  3. CAMILA!!
    Eu nao tinha lido nenhuma resenha de Gone, entao nao sabia do que se tratava, mas sua resenha - MINHA NOSSA - me fez querer ler o livro o mais rapido possivel!! shuahsuas..
    Eu adorei o tema e tudo mais do livro!!

    Será uma das minhas proximas compras com certeza ;D

    Beeeijos

    Ah... mandei e-mail pra vc!

    ResponderExcluir
  4. Oii Camila sua resenha tah shoowww!!! Dá vontade de sair correndo p comprar o livro...
    Ahh adorei seu coment no meu blog!
    bjossssssss

    ResponderExcluir
  5. Adorei sua resenha. Conseguiu me fazer ter vontade de ler o livro, amei de verdade.
    Se quizer, dar uma olhada o meu blog. É novo, então se puder da uma força, eu agradeceria, hihi :$
    http://girafainexistente.blogspot.com
    Parabéns pelo blog linda, bjbj :*

    ResponderExcluir
  6. Fiquei na dúvida agora, me falaram muito mal desse livro e tinha desanimado, agora não sei se leio ou não! Adorei a resenha!


    Laís, World oF Carol Espilotro

    ResponderExcluir
  7. Camila!!
    sabe nunca me interessei mt em ler Gone... Sei lá, mais uma coisa sobrenatural, mais uma serie... E o tamanho do livro.. Rs (sempre achei enorme, mas comparando com Personal demons - que eu li e recomendo - que vi na sua caixinha é do mesmo tamanho né...)
    Na verdade meu maior preconceito com Gone é a idade dos protagonistas - eu sou dessas....
    bjss

    ResponderExcluir
  8. Ainda não consegui ler Gone, mas emprestei o livro para meu irmão (que tem 34 anos) e por incrível que pareça, ele adorou (e quase me bateu quando descobriu, no final do livro, que tinha continuação e não foi lançado ainda aqui no Brasil rsrs).

    Preciso desafogar minha listinha para dar uma chance a Gone, coitado...

    Bjs,
    Kel - It Cultura
    http://www.itcultura.com

    ResponderExcluir
  9. Camila (:
    Que resenha boa, adorei. Apesar de você ter falado bem dele, acho que não leria esse livro UAHSAUHSU sei lá, acho que não é meu tipo, acho que eu não vou gostar. Se alguma amiga minha comprar talvez eu empreste e leia UAHSUAHSUAH talvez Q

    Beijos, Vanessa.
    This Adorable Thing.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...